Membros de grupo suspeito de clonar e vender carros são presos em Lagarto

Conforme as investigações, o grupo trazia para Sergipe veículos que eram roubados em Pernambuco.

Na tarde do último domingo, 24, policiais militares realizaram em Lagarto, a prisão de dois homens, suspeitos de integrarem um grupo responsável por clonar e vender carros em Sergipe; no momento da prisão, eles tentavam vender uma caminhonete L200.

Segundo as investigações, o grupo trazia para Sergipe veículos que eram roubados em Pernambuco, mais de perto, na capital Recife, para clona-los e vende-los. O objetivo da operação é coibir o roubo e clonagens de veículos em Sergipe.

“Na ação policial, dois veículos, ambos roubados em Recife, foram recuperados sendo uma caminhonete L200 e uma Renault Oroch, os dois com chassis remarcados. Após as duas prisões, um dos suspeitos colaborou, informando o local onde a Oroch estava escondida, na cidade de Aracaju”, informou a SSP.

As equipes seguem com as investigações, a fim de localizar outros integrantes da associação criminosa, bem como, outros veículos utilizados nas ações.