Justiça decreta prisão preventiva de suspeito de matar um homem durante confusão em Capela

O pedido foi decretado por conta de risco à ordem pública.

Nesta terça-feira (5), a Justiça de Sergipe converteu em preventiva a prisão do indivíduo suspeito de matar um homem, de 38 anos, durante um tumulto logo após o encerramento da Festa do Mastro, em Capela. De acordo com a polícia, ele foi agredido durante uma confusão que envolveu diversas pessoas. Populares tentaram reanimá-lo, mas não obtiveram resultado.

De acordo com o juiz responsável por assinar a decisão, Isaac Costa Soares de Lima, o pedido de prisão preventiva foi decretado por conta do risco à ordem pública. O suspeito foi preso em flagrante na cidade de Aracaju, onde confessou o crime. Ainda, mais 11 pessoas envolvidas na confusão foram detidas e prestaram depoimento.

Foto: Reprodução