Opinião

Festa do caminhoneiro aparece em Rede Nacional como um grande evento do Brasil.

Turismo: itabaianense orgulhosos, Rede nacional mais uma vez.
por Redação do Portal Itnet
29/07/2013 08:12h

O potencial turístico da cidade de Itabaiana é tão grande que só as autoridades do estado não conseguem ver. Todo ano Itabaiana aparece em rede nacional uma ou duas vezes, um número expressivo para uma das cidades do menor estado da federação, mas não é uma surpresa para os cidadãos de nossa terra.

Apenas esse ano o Parque dos Falcões apareceu na Rede TV e Rede Record, e já esteve na Rede Globo várias vezes, inclusive no programa do Jô, da Xuxa, Ana Maria Braga, além de programas internacionais, como a própria National Geografic, Percilio já virou personagem do Brasil, e por pouco não é um personagem do mundo.

O Museu do Capunga, apesar de não ser em Itabaiana, tem fortes relações com nossa cidade, além de Moita ter ficado independente de Itabaiana em meados do século passado, e a cidade possuir uma forte identificação com o nosso município, o proprietário Vicente do Ponto do Agricultor, é morador da cidade serrana. O espaço foi exaustivamente ovacionado pelas TVs nacionais do Brasil, Globo e Record apresentaram várias vezes um programa mostrando o projeto.

Ontem foi a vez da Festa do caminhoneiro, o Domingo Espetacular, jornal estilo o Fantástico da Globo, destinou quase 30 minutos da programação a cidade de Itabaiana e a festa dos caminhoneiros. Carreatas, buzinaço, miniaturas de madeiras de caminhão, café da manhã, e programação festeira, apresentou Itabaiana como a Capital Brasileira do Caminhão.

Tramita do congresso nacional uma emenda do Senador Eduardo Amorim para oficializar o que o pais já confirma empiricamente, Itabaiana poderá se tornar oficialmente a Capital Brasileira do Caminhão, caso seja aprovada nossa cidade ganhará nacionalmente mais um motivo para utilizar o turismo como fonte de renda para o seu povo.

Além do apresentado anteriormente, a cidade serrana tem o Parque Nacional Serra de Itabaiana, e o complexo de eco turismo dos porções da Ribeira, tudo envolvido em um grande potencial turístico de aventura radical.

Entre outras coisas, ainda ficaram de Fora o grande comercio da cidade, com a maior feira do estado, além do potencial comércio de Ouro da cidade serrana, que tem amplitude nacional, e chegou a ser forte referencial do munícipio no final dos anos 80.

Para encerrar, lembramos que Itabaiana tem a filarmônica mais antiga do Brasil em funcionamento, o marco geodésico do estado, uma bela vista da serra e um povo ordeiro e trabalhador.

Jamyson Machado - Cidadão

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo