Justiça

Justiça concede habeas corpus ao radialista George Magalhães, preso acusado de estupro

O radialista está preso desde o mês de setembro, no conhecido “Cadeião” de Estância.
por Redação do Portal Itnet
08/11/2018 07:43h

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) concedeu na tarde de ontem, 07, um habeas corpus ao radialista George Magalhães, preso no mês de setembro acusado de estupro, agressão e também suspeito de coagir testemunhas. O habeas corpus foi concedido pelo Ministro Reynaldo Soares da Fonseca.

De acordo com a defesa do radialista, falta apenas a comunicação oficial ao Tribunal de Justiça de Sergipe, que comunicará à juíza do caso, Olga Barreto, para que efetivamente o radialista ganhe a liberdade.

George foi preso no dia 13 de setembro, e encaminhado ao Complexo Penitenciário Antônio Jacinto Filho (Compajaf), no bairro Santa Maria, em Aracaju.

No dia seguinte ele foi transferido  à Cadeia Pública Tabelião Filadelfo Luiz da Costa, mais conhecida como “Cadeião”, no município de Estância, onde permanece preso até o momento.

O CASO:

O caso foi acompanhado pela delegada geral Katarina Feitosa e pelas delegadas do Departamento de Apoio a Grupos Vulneráveis (DAGV), Renata Aboim e Mariana Diniz.

A mulher de 42 anos registrou um boletim de ocorrência no mês de agosto. No início deste mês, a polícia informou em entrevista coletiva que tinha sido aberto um inquérito para investigar o radialista pelos crimes de estupro e agressão.

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo