Cidade

Câmara: sessão termina por falta de quórum e marchantes se reúnem para saber o real motivo do fechamento do Matadouro

Na frente da Câmara alguns vereadores e marchantes trocaram conversas acaloradas.
por Redação do Portal Itnet
08/11/2018 10:49h
Atualizado em 08/11/2018 11:37h

A sessão da Câmara de Vereadores de Itabaiana foi recheada de acontecimentos na manhã de hoje, 08. Primeiro porque a sessão foi suspensa por falta de quórum (havia poucos vereadores presentes).

Segundo porque, em frente à Câmara quando os vereadores saíram se depararam com vários marchantes que trabalham no Matadouro de Itabaiana.

 

Eles estavam lá em busca de informações acerca do real motivo do fechamento do Matadouro, que foi anunciado ainda ontem, após as prisões do prefeito Valmir, do Secretário de Agricultura Erotildes e mais três pessoas.

O fechamento do Matadouro afeta a economia do município e também prejudica os funcionários que de lá tiram o sustento de suas famílias. Na frente da Câmara alguns vereadores e marchantes trocaram conversas acaloradas.

Após isso, representantes dos marchantes e dos vereadores (tanto da situação, como da oposição) se dirigiram ao Ministério Público para procurar maiores informações e saber o que será feito a partir de agora.

Veja algumas fotos tiradas por nossa equipe no local: 

De acordo com Marcos Oliveira, vereador líder do prefeito, é preciso que os funcionários do matadouro saibam o que está acontecendo.

Segundo ele, não há como o matadouro ter funcionalidade enquanto este assunto ainda estiver sendo investigado, visto que a decisão da delegada responsável pelo caso caminha neste sentido. Ele espera que tudo se resolva rapidamente para que os funcionários não sejam prejudicados.

O vereador de oposição João Cândido (pertencente ao grupamento da deputada Maria Mendonça) disse que o matadouro foi fechado sem nenhuma justificativa e isso prejudicará várias pessoas que dependem dos serviços. “Itabaiana não pode parar pela impossibilidade do prefeito e não podemos aceitar passivamente o fechamento do matadouro”, disse.

Segundo o também vereador de oposição, a decisão do fechamento do matadouro é algo equivocado e não deveria ter acontecido, pois isso sacrifica as pessoas que de lá tiram o seu sustento.

Em breve traremos maiores informações acerca da conversa que aconteceu no Ministério Público. As entrevistas com os vereadores serão exibidas no programa Itnet Notícias de hoje, a partir das 17:30hs.

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo