Educação

Aluna do Colégio Estadual Murilo Braga é selecionada para curso na Universidade de Cambridge

Larissa Pavani, que também será Jovem Embaixadora, foi selecionada com bolsa de estudos entre cinco estudantes de todo o mundo
por Redação do Portal Itnet
26/12/2018 11:30h

Por Ítalo Marcos

A Universidade de Cambridge, na Inglaterra, oferece cursos de verão e de primavera anualmente para alunos mundo inteiro. Apesar de serem cursos pagos, são oferecidas cinco bolsas integrais e parciais para estudantes de todo o mundo, e uma das contempladas foi a aluna Larissa Pavani Santos, estudante do 2º ano do Colégio Estadual Murilo Braga, em Itabaiana.

A seleção passou por duas fases, sendo que a primeira foi uma redação, escrita toda em inglês, cujo tema foi: “Se você tivesse um bilhão de dólares para investir no seu país, em que você investiria e por que?”. Larissa escreveu que investiria em Educação, contando um pouco da sua história pessoal e mostrando como ela gostaria que fossem as escolas públicas.

Ela enviou a redação para a Universidade de Cambridge, juntamente com uma carta de recomendação de um professor e o histórico escolar com as suas notas, e foi pré-selecionada para a fase da entrevista presencial, também feita em inglês, na qual também foi selecionada e contemplada com uma bolsa de estudos parcial de 50% de desconto, cujo valor é 1.150 libras. A bolsa cobre as despesas de estadia, duas refeições diárias e traslado do aeroporto para a universidade.

“São cursos pré-universitários de duas a três semanas de duração, mas que são pagos. Eu não esperava ser selecionada, não estava otimista, porque são apenas cinco vagas em todo o mundo. Mas dei o meu melhor na redação e consegui passar. Fiquei muito feliz, para mim foi gratificante, e eu queria muito que a minha participação nesse curso pudesse incentivar os estudantes da minha comunidade a se espelharem em mim de alguma forma, para verem que é possível”, declarou.

A técnica da Assessoria Internacional da Secretaria de Estado da Educação, Nádia Cardoso, destacou que, para Sergipe, é bastante significativo uma aluna da rede estadual ser selecionada em um curso na Universidade de Cambridge. “O tema explorado por ela em sua redação, que foi a Educação, vem comprovar o nível de consciência e cidadania dos nossos alunos quanto à importância do seu papel na sociedade”, afirmou.

Jovem Embaixadora

A estudante sergipana Larissa Pavani também foi selecionada pela Embaixada dos Estados Unidos no Brasil para representar Sergipe no programa Jovens Embaixadores. No dia 8 de janeiro ela estará embarcando para os Estados Unidos, onde ficará até o dia 4 de fevereiro, participando do programa de intercâmbio, junto com mais 50 alunos que representarão o Brasil no programa Jovens Embaixadores. O programa é voltado para alunos de escolas públicas de 15 a 18 anos de idade, com um bom nível de inglês e que tenham, no mínimo, um ano de trabalho voluntário.

Larissa Pavani está cheia de expectativas para o intercâmbio nos EUA. "Espero, com essa experiência, me redescobrir como profissional e como alguém que tem papel de liderança em minha comunidade. Quero descobrir quais são as minhas vontades e meus projetos. Pretendo também aprimorar o idioma inglês e conhecer outras pessoas. Temos que estar sempre abertos a outras culturas e formas de pensar", declarou.

Ela desenvolve um trabalho voluntário ensinando inglês a pessoas pobres em sua comunidade. Larissa revelou que começou a aprender o idioma americano aos 13 anos. "Para mim era uma inspiração quando eu via na internet pessoas falando inglês. Me senti com vontade de saber falar e passei a aprender sozinha. Eu, como aluna da escola pública, posso provar que temos sim a capacidade de sermos selecionados em programas como esse. Acreditem e se esforcem, pois todos são capazes de aprender inglês. O mais importante é o seu papel como líder, como uma pessoa que se engaja com a sua comunidade", afirmou.

Fonte: SEED/SE

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo