Justiça

Justiça condena a 39 anos de prisão “Wellington Satanás”, pelo latrocínio de policial militar em Areia Branca

O crime aconteceu em 2017. O policial lavava o seu carro quando foi abordado por meliantes.
por Redação do Portal Itnet
21/06/2019 07:54h
Atualizado em 21/06/2019 07:56h

Wellington Santos Vieira, conhecido como “Wellington Satanás” foi condenado pelo Conselho de Sentença do Tribunal do Júri da Comarca de Laranjeiras e vai responder pelos crimes de homicídio qualificado seguido de roubo, praticados contra o policial militar Adilson Bispo Nunes, no município de Areia Branca, em dezembro de 2017.

Satanás, condenado a 39 de prisão


Satanás, como era conhecido estava preso desde março do ano passado e agora foi condenado a 39 anos de detenção. Outro suspeito de envolvimento no crime que vitimou o PM morreu em confronto com policiais, também no ano passado.

O CRIME:

No dia 28 de dezembro de 2017, o Capitão Nunes estava em frente da sua residência lavando o carro, quando foi abordado por indivíduos que anunciaram um assalto e ao perceber que se tratava de um policial decidiram atirar.

O PM morreu na hora e os indivíduos fugiram. Dois deles foram identificados: Satanás, que foi condenado e Dedé, que morreu em confronto. A dupla também é suspeita de participar de um assalto ao Parque dos Falcões, ocorrido também em 2017.

Policial Militar Adilson Bispo Nunes

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo