Educação

RAIO-X DAS ESCOLAS: confira o desempenho das escolas de Itabaiana em relação à nota da redação do Enem 2018

Saiba qual a escola de ensino médio de Itabaiana que teve a melhor pontuação, e qual teve a menor no quesito redação.
por Redação do Portal Itnet
05/10/2019 11:33h
Atualizado em 11/10/2019 17:53h

O G1 lançou neste sábado, 05, uma ferramenta especial intitulada Raio-X das escolas do Brasil, que traz dados de mais de 180 mil instituições de ensino de todo o país referentes ao Enem 2018 e o Ideb, por exemplo.

Levando em conta o quesito nota da redação do Enem 2018, traremos agora o desempenho das escolas de ensino médio de Itabaiana, tanto da rede pública, como da rede privada.

Foto: G1 

No geral, a média das escolas públicas de Itabaiana na redação do Enem é 482,8. Das escolas particulares é 561,8.

Confira as notas das escolas por ordem de colocação:

-COLÉGIO DOM BOSCO: 796,6;
-COLÉGIO ALTERNATIVO: 790,6;
-COLÉGIO O SABER: 730,7;
-COLÉGIO MONTEIRO LOBATO: 696,8;
-COLÉGIO OPÇÃO: 652,9;
-COLÉGIO ESTADUAL NESTOR CARVALHO: 631,1;
-COLÉGIO ESTADUAL EDUARDO SILVEIRA: 563,7;
-COLÉGIO ESTADUAL DR.AUGUSTO CÉSAR LEITE: 563,2;
-COLÉGIO ESTADUAL MURILO BRAGA: 527,8.

O que mais chama a atenção nestes dados é que o Murilo Braga, que sempre foi referência em educação é há anos atrás era o colégio mais procurado por estudantes de todo o Agreste, sendo inclusive, um dos que mais aprovava nos vestibulares, teve a menor nota no quesito redação no Enem 2018.

As perguntas que ficam são: o que está acontecendo com a qualidade do ensino do Murilo Braga? A que (e quem) se deve essa grande redução? O que tem que ser feito para mudar esses números?

Na semana que vem traremos outras matérias mais aprofundadas sobre o assunto, buscaremos respostas para as perguntas deixadas acima e faremos algumas comparações de números, citando também escolas de outras cidades.

O Raio-X foi feito com informações do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), baseado em dados do Enem (2018), Censo Escolar (2018), Saeb (2017) e Ideb (2017).

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo