Cidade

Belivaldo prorroga até 07 de maio medidas de isolamento social, mas comércio abrirá aos poucos. Entenda

por Redação do Portal Itnet
27/04/2020 17:02h

Através de uma coletiva de imprensa, o governador de Sergipe Belivaldo Chagas anunciou que será prorrogado até o dia 07 de maio as medidas de isolamento social, como forma de prevenção ao coronavírus.

Porém, o comércio abrirá aos poucos, conforme o decreto publicado hoje, 27.

Entenda como será essa reabertura:

– a partir de 28 de abril de 2020, amanhã:

a) escritórios de advocacia, seguindo as recomendações adicionais de segurança para saúde fixadas pela Ordem dos Advogados do Brasil – OAB/SE;

b) escritórios de contabilidade;

c) locadoras de veículos;

d) lojas de tecidos e armarinhos;

II – a partir de 02 de maio de 2020:

a) lojas de cosmético e perfumaria;

b) lojas de relojoaria e joias;

c) lojas de móveis, colchões e eletrodomésticos;

III – a partir de 04 de maio de 2020:

a) consultórios médicos, mediante prévio agendamento com hora marcada, vedada qualquer forma de sala de espera, obedecidas as regras de controle de biossegurança constantes na Portaria n.º 57, de 27 de abril de 2020, da Secretaria de Estado da Saúde - SES;

b) lojas de papelaria e livrarias, vedado o funcionamento de bares e restaurantes associados aos estabelecimentos;

c) lojas de produtos de climatização;

d) serviços especializados de podologia, desde que limitados os estabelecimentos a 50% (cinquenta por cento) da capacidade de atendimento e mediante prévio agendamento com hora marcada.

O governador enfatiza a obrigatoriedade do uso de máscaras a todos que circularem em espaços públicos. E claro, todos os estabelecimentos devem obedecer a medidas de higienização e prevenção, tanto para funcionários, como para clientes.

 As atividades educacionais em todas as escolas, universidades e faculdades, das redes de ensino pública e privada,
permanecem suspensas até o dia 31 de maio de 2020.

Para ter acesso a todas as informações sobre o assunto, bem como as especificações para cada caso, acesse o decreto abaixo.

Decreto - 27 de abril

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo