Policial

11 traficantes são presos durante operação em Porto da Folha

Foi apreendida em poder dos suspeitos a quantia de R$ 8.769,00 em dinheiro, drogas, uma maquineta de cartão de crédito e duas balanças de precisão.
por Redação do Portal Itnet
04/07/2020 08:20h

A operação conjunta das Polícias Civil e Militar, realizada na noite dessa quinta-feira e manhã da sexta, dias 2 e 3, prendeu, até o momento, 11 pessoas com participação no crime de tráfico de entorpecentes.

Inicialmente, a polícia começou a monitorar a traficante Maria da Penha Santos e o namorado dela, o ex-presidiário Raphael Marcos dos Santos, que estavam vendendo drogas por todo o município de Porto da Folha.

Raphael é residente no conjunto Pantanal, em Aracaju, e deixou recentemente o presídio. As investigações mostraram que ele e Penha pretendiam dominar o tráfico na cidade de Porto da Folha e planejavam, inclusive, se livrar de alguns desafetos que estavam no mesmo ramo de “negócios” do casal. Raphael convocou alguns comparsas de Aracaju e estes chegaram à cidade e alugaram uma residência no centro de Porto da Folha.

Na noite dessa quinta-feira, a polícia recebeu a informação de que quatro homens estavam dentro de um veículo Voyage com um carregamento de drogas.

Uma operação foi montada com a Companhia Independente de Operações em Área de Caatinga (Ciopac) da Polícia Militar, para interceptar o veículo. Na ação, quatro pessoas foram presas com drogas e dinheiro.

A operação prosseguiu na manhã da sexta-feira, prendendo mais sete suspeitos, totalizando 11 pessoas detidas. Até o momento, já foram identificados Erick Souza Santos, Reinaldo Izidoro Batista, Gladston da Silva Santos, Vitória Regina Silva Santos, José Hernandes e Kauane Santos.

Foi apreendida em poder dos suspeitos a quantia de R$ 8.769,00 em dinheiro, aproximadamente 100 trouxinhas de maconha e meio quilo da droga prensada, 52 gramas de cocaína, 73 pedras de crack, uma maquineta de cartão de crédito, duas balanças de precisão, 15 celulares, três relógios e cerca de 500 pinos vazios para acondicionamento cocaína.

Fonte: SSP/SE

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo