Nacional

Elias Maluco, um dos maiores traficantes do Rio de Janeiro é encontrado morto em penitenciária federal

Ele foi encontrado com sinais de enforcamento.
por Redação do Portal Itnet
22/09/2020 21:28h
Atualizado em 22/09/2020 21:31h

Elias Pereira da Silva, o Elias Maluco, de 54 anos, considerado um dos maiores traficantes do Rio de Janeiro foi encontrado morto nesta terça, dia 22, na Penitenciária Federal de Catanduvas, com sinais de enforcamento. A causa da morte ainda não foi divulgada oficialmente.

Foto: Polícia do Rio de Janeiro / divulgação.


A morte de Elias foi confirmada no fim da tarde pelo Departamento Penitenciário (Depen). A Polícia Federal foi acionada para fazer a perícia no local.

Ele era integrante da facção criminosa Comando Vermelho, que comandava o tráfico de drogas em trinta favelas das imediações do Complexo do Alemão e da Penha.

Considerado um criminoso de alta periculosidade, Elias Maluco foi preso e condenado em 2002, pelo assassinato do jornalista Tim Lopes.

O crime chocou o país e repercutiu internacionalmente, principalmente pela maneira cruel como ocorreu. Elias e o seu grupo torturaram bastante o jornalista até a morte e queimaram o corpo de Tim.

O jornalista fazia uma reportagem investigativa na Favela do Cruzeiro, e o bando de Elias acabou descobrindo que ele fazia algumas filmagens que poderiam os comprometer. Outras pessoas também foram presas.

Elias se envolveu em diversos crimes, e cumpria pena pelos seguintes: Tráfico e associação para o tráfico de drogas, Homicídio triplamente qualificado, formação de quadrilha e ocultação de cadáver. Juntando todos, a pena dele era de quase 60 anos.

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo