Cidade

PESAR: morre o "Negão de Sergipe", o ex-governador João Alves Filho, aos 79 anos

João estava internado no Hospital Sírio-Libanês, em Brasília, desde a última quarta-feira, dia 18.
por Redação do Portal Itnet
25/11/2020 06:24h
Atualizado em 25/11/2020 12:14h

Através das redes sociais, a família Alves anunciou que o ex-governador de Sergipe, João Alves Filho faleceu no final da noite da terça, 24, no Hospital Sírio-Libanês, em Brasília, onde estava internado desde a última quarta-feira, dia 18.

João Alves tinha 79 anos e fez o seu nome em Sergipe, sendo um dos maiores líderes políticos do estado, responsável por importantes obras enquanto governador.

Na última quarta-feira, dia 18, João Alves estava em sua casa, em Brasília, quando sofreu uma parada cardíaca e rapidamente foi levado ao hospital.

Ele ficou internado na UTI e três dias após, no sábado, 21, foi também diagnosticado com o coronavírus. Ele ficou sedado e respirando com a ajuda de aparelhos.

Ontem, a família comunicou o falecimento de João.

O ex-governador estava a um bom tempo recebendo cuidados em casa, pois enfrentava o Alzheimer num estado já avançado.

Ele era casado com a senadora por Sergipe Maria do Carmo Alves (DEM), com quem tinha três filhos: Ana, Cristina e João Neto.

João Alves, o “Negão de Sergipe”, "João da Água" ou "João Chapéu de Couro", como é carinhosamente chamado pelos sergipanos é engenheiro civil por formação e comandou o estado por três mandatos (1983 -1987; 1991-1994 e 2003 -2006).

João também foi prefeito de Aracaju em dois mandatos (1974 - 1977; 2013 - 2017). Entre 1987 e 1990 ele foi Ministro do Interior. João Alves também foi o líder do DEM (antigo PFL) em Sergipe.

O corpo de João será cremado no Cemitério Jardim Metropolitano, em Valparaíso de Goiás, a 40 minutos de Brasília.

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo