Internacional

Evento astronômico raro estará em seu ponto máximo amanhã, 21.

Chamado de “grande conjunção”, dois dos maiores planetas do sistema solar estarão alinhados e visíveis no céu.
por Redação do Portal Itnet
20/12/2020 08:07h
Atualizado em 20/12/2020 08:37h
Foto: Jean-Luc Dauvergne

 

Quase como um presente no céu depois de um ano tão atribulado, amanhã, 21, acontece um evento astronômico raro: a grande conjunção. Júpiter e Saturno, dois dos maiores planetas do sistema solar estarão próximos um do outro. A última vez que isso aconteceu e pode ser visto foi na Idade Média, em 1226.

O alinhamento entre os dois planetas já está acontecendo desde o dia 16 deste mês e estará visível até o dia 25. Mas, o ápice será amanhã, 21 de dezembro. O fenômeno pode ser visto de qualquer lugar, o professor de física José da Silva Menezes confirma que não é necessário equipamentos para observar. Segundo ele, basta torcer para que o tempo esteja favorável, que não hajam nuvens e olhar para o céu na direção do por sol, a oeste.

O melhor horário para poder ver será logo após ao por do sol e no início da noite. “Provavelmente parecerá uma única estrela, mas vale a pena deixar claro que são dois planetas. Pois, a luz deles não cintila como a das estrelas. Alguns chamam de "Estrela de Natal", mas nada mais é que o alinhamento destes dois planetas.”, enfatiza José Menezes.

Quem quiser localizar os planetas com algo que já esteja a mão, o professor indica um aplicativo de celular chamado “Sky View”. Ele é bem intuitivo e está disponível para Android e IOS. 

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo